Conteúdo para toda família

 

SIMPLESMENTE ESPECIALÍSSIMOS

 

A Cooxupé divulgou no dia 26 de outubro, os melhores cafés da safra 2019 avaliados por meio do Programa Especialíssimo, idealizado e promovido pela própria empresa. Na safra deste ano, concorreram os cafés produzidos que estavam acima de 83 pontos, que foram depositados na Cooxupé ou na SMC (Specialty Coffes) até o dia 21 de setembro de 2019.

No total, foram 50 cooperados selecionados (35 da categoria Natural e 15 na categoria Cereja Descascado), que concorreram a uma premiação total de R$ 190 mil, sendo que o lote campeão do Especialíssimo recebeu um prêmio no valor de R$ 25 mil..

De acordo com o vice-presidente da Cooxupé, Osvaldo Bachião Filho, todo processo de classificação é feito às cegas e a identificação do lote só ocorre no momento do contato com o produtor. “Na prova entre os pontos avaliados, os classificadores analisam atributos do café como acidez, doçura, corpo, balanço e retrogosto e aromas como frutados, enzimáticos, caramelados e florais. Além disso, consideramos as boas práticas de produção, atualização do CAR e fidelidade, já que buscamos estimular e premiar a qualidade na produção dos cooperados”, explicou.

Para o presidente da Cooxupé, Carlos Augusto Rodrigues de Melo, o programa busca reconhecer e incentivar os cooperados na busca pelo aperfeiçoamento e melhoria constante no processo de produção do café. “É importante valorizar e incentivar o esforço dos cooperados em melhorar cada vez mais suas safras para que as famílias possam ter mais benefícios e investir mais na produção. Assim, o programa Especialíssimo tem como objetivo demonstrar o potencial do café especial que tem uma rentabilidade maior e com mais possibilidades de mercado”, afirmou.

 

Avaliações do Programa Especialíssimo

 

O Programa Especialíssimo da Cooxupé fará as avaliações dos lotes pré-selecionados nos dias 24 e 25 de outubro para definir o ranking do melhor café da safra 2019, da área de ação da cooperativa.

O processo foi realizado por uma comissão julgadora formada por sete especialistas e liderada pelo professor Flávio Borém, Universidade Federal de Lavras- UFLA. A análise dos lotes selecionados aconteceu na sede da SMC Specialty Coffes, empresa controlada pela Cooxupé que comercializa e fornece cafés finos, especiais e certificados.

Safra Especial 2019

A Cooxupé também realizou o lançamento oficial do Café Safra Especial 2019, produzido pela Torrefação da cooperativa, por meio da combinação de lotes selecionados no Programa Especialíssimo.

 

CAFÉ DE CALDAS É O GRANDE VENCEDOR

 

O cooperado Edenilson Aparecido de Carvalho, de Caldas (MG), conquistou o primeiro lugar no Programa Especialíssimo da Cooxupé, com o lote de café sendo considerado o melhor da safra 2019. Além do certificado, o produtor recebeu um prêmio de R$ 25 mil.

"É uma grande alegria. Eu amo o que faço. Eu sempre trabalhei na lavoura desde criança e faço tudo com muito amor e carinho. Eu quero agradecer a todos da Cooxupé pelo apoio. Às vezes, a gente chega desanimado, cansado, mas eles nos recebem com um sorriso, que nos anima. Fazendo com carinho a gente consegue chegar lá", disse Ednilson Aparecido de Carvalho.

Para o presidente da Cooxupé, Carlos Augusto Rodrigues de Melo, o Programa Especialíssimo é o reconhecimento da dedicação de todos cooperados que buscam fazer sempre o melhor. "Esse é o resultado de muito trabalho, de dedicação e muito amor a esse produto tão nobre que é o café. O Especialíssimo é a valorização da família, do produto e de todos nossos cooperados", afirmou.

O segundo lugar, que ganhou R$ 20 mil, ficou com o cooperado José Antônio Lemos, de Carmo do Rio Claro, e o terceiro lugar, com direito a um prêmio de R$ 15 mil, foi entregue para Marcelo Vinícius Martins, de Cabo Verde.

Para o quarto lugar a premiação foi R$ 10 mil, o quinto lugar recebeu R$ 9 mil, o sexto lugar ganhou R$ 8 mil, o sétimo lugar teve R$ 7 mil, o prêmio para o oitavo lugar foi de R$ 6 mil, o nono lugar recebeu R$ 5 mil e o décimo lugar ganhou R$ 4 mil. Os lotes classificados entre o 11º e 50º lugares tiveram um prêmio de R$ 2 mil para cada.

O vice-presidente da Cooxupé, Osvaldo Bachião Filho, ressaltou que a proposta do programa é valorizar o trabalho dos produtores e proporcionar maior ganho. "O programa vem para incentivar o cooperado a produzir com mais valor agregado e beneficiar as famílias dos agricultores", disse.

 

INSTAGRAM

Curta esta página no Facebook

Poste no seu Twitter

© EDITORA MÍDIA LTDA | Av. Conde Ribeiro do Valle, 255 | 2º Andar | Sala 8

Telefone: (35) 3551-2040 | Cep 37800-000 |  Guaxupé | MG